Apegados

Gênero: Autoajuda, Comportamento, Literatura Estrangeira,

Cada vez mais fazemos uso da pesquisa científica para conquistar melhor qualidade de vida. Sabemos o que devemos ou não comer, conhecemos o tipo de exercício que devemos praticar e por quanto tempo devemos fazê-lo, aprendemos alternativas viáveis para conquistar o sono revigorante... No entanto, nossos relacionamentos amorosos, parte importante de nossa vida, não parecem tão avaliados e estudados. Geralmente temos a sensação de que essa coisa de amor é um assunto da sorte. Mas será possível que a ciência explique por que algumas relações são produtivas e enriquecedoras, enquanto outras nos deixam perturbados e alienados? Pode a ciência explicar como muitos criam vínculos amáveis sem esforço algum, enquanto outros têm que lutar tanto pelo amor? Para o psiquiatra Amir Levine e a psicóloga Rachel Heller, a resposta é um evidente “sim”. Em "Apegados" - livro baseado nas pesquisas da Teoria do Apego, de John Bowlby -, os autores revelam como compreender os mecanismos de afeição que se criam entre os adultos, o que certamente nos ajudará a encontrar e a manter o amor. Seja você do tipo “ansioso”, “seguro” ou “evitante”, Levine e Heller se encarregam de oferecer instrumentos suficientes para que você possa construir relações mais fortes e reparadoras com as pessoas que ama.

  • R$ 49,90

ou em até 12x no cartão de crédito c/ juros

  • Descrição do Livro
  • Sobre o Autor

Autor: Amir Levine

Capa comum: 304 páginas

Editora: Novo Conceito; Edição: 1ª (28 de março de 2013)

Idioma: Português

ISBN-10: 8581631967

ISBN-13: 978-8581631967

Dimensões do produto: 22,8 x 16 x 2 cm

Peso de envio: 440 g

Amir Levine

Dr. Amir Levine é psiquiatra de adultos, crianças e adolescentes e neurocientista. Formou-se no programa de residência do New York Presbyterian Hospital/Universidade de Columbia, onde, atualmente, é diretor de pesquisas em um projeto patrocinado pelo National Institutes of Health. O Dr. Levine mantém um consultório particular na cidade de Nova York, onde mora.